Prezados Clientes e Amigos,

Desde a edição da MP nº 774/17, as empresas de serviços de transporte encontravam-se impedidas de optar pela desoneração da folha de pagamento, vedação que deixou de existir desde ontem.

Com a revogação de tal normal, tais empresas voltam a ter o direito de opção pela contribuição sobre a receita bruta (CPRB) em substituição à contribuição de 20% sobre a folha de pagamento.

Nesse contexto, é aconselhável que se realize um estudo no sentido verificar qual das metodologias de recolhimento é mais adequada à realidade econômica de empresa.

Colocamo-nos, como de costume, à disposição para quaisquer esclarecimentos.

Thiago Garbelotti


 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>