A Receita Federal e a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) colocaram em funcionamento nesta quarta-feira (20/5) um sistema que agilizará o processo de inscrição, no Cadastro de Pessoas Físicas (CPF), de investidores estrangeiros residentes no exterior.

O novo sistema é resultado de esforço conjunto das duas instituições no sentido de aperfeiçoar o atendimento desses investidores que, segundo a legislação, devem se inscrever no CPF e se cadastrar na CVM antes de realizar investimentos no mercado brasileiro de capitais.

Pela regra anterior, o investidor estrangeiro tinha de cumprir uma série de formalidades para obter seu registro no CPF em uma representação diplomática brasileira. Devido a essas exigências, muitos optavam por investir em mercados de outros países.

Na sistemática nova, o investidor obtém seu CPF com o Registro de Investidor Estrangeiro. O novo sistema reduz custos administrativos e facilita o processo de inscrição no CPF para o investidor estrangeiro, fato que resulta em melhorias para o ambiente de negócios do país.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>